Publicidade

10 de Julho de 2014 - 06:00

Compartilhar
 

PELA SEGURANÇA

Já foram definidos os temas do ciclo de debates previsto ainda para este segundo semestre em iniciativa dos empresários de Juiz de Fora e Prefeitura, para avaliar medidas de combate à violência. Ontem, em mais uma reunião, ficou acertado também que será feita uma visita a Volta Redonda, cidade que já tem trabalho semelhante e com resultados positivos. O documento final deve ser entregue pessoalmente ao Secretário de Defesa Social, Rômulo de Carvalho Ferraz, em sua próxima visita à cidade, que deve ocorrer na primeira quinzena de agosto. Ele viria inaugurar o sistema de vigilância eletrônica, uma velha demanda da cidade. Três unidades do programa "Olho vivo" já estão operando provisoriamente na região do Manoel Honório. Na mesma reunião, embora a questão fosse levantada superficialmente, falou-se da necessidade de a Prefeitura criar uma secretaria de Defesa Social, num modelo mais avançado em relação à experiência executada na gestão Alberto Bejani. Essa secretaria poderia englobar a Guarda Municipal e a Defesa Civil, além de coordenar ações em parceria com as polícias Militar e Civil.


Em campanha

Com o andar da campanha, oficializada desde o dia 6, Juiz de Fora começa a receber a visita de candidatos da região, habilitando-se ao colégio eleitoral de quase 400 mil inscritos. Na reunião mensal do PMDB, realizada na última segunda-feira, os membros do diretório receberam a visita do vereador Alan Borges, da cidade de Rio Novo. Embora soubesse que o partido, a começar pelo prefeito Bruno Siqueira, pretende apoiar o vereador Isauro Calais (PMN), ele se disse em condições de ser o representante da legenda na disputa pela Assembleia. Pediu votos e saiu com a certeza, segundo amigos, de que chamou a atenção.


Fora do ar

Uma norma de 1997 - Lei 9.504 - mudou a estratégia de comunicação das assessorias de imprensa da Presidência da República, de governos estaduais, assembleias e câmaras municipais. Como ela faz restrição a qualquer tipo de propaganda dos candidatos, a maioria tirou suas informações da internet. Em Juiz de Fora, depois de consulta ao jurídico, ficou decidido que não haverá qualquer acesso ao banco de dados, muitos menos aos arquivos da rádio e da televisão, esta em implantação. Os seis vereadores que vão disputar uma vaga na Assembleia também não serão mencionados em matérias. Em caso de punição, é o candidato que perde o mandato.


Três décadas

A questão é apenas de escala. Enquanto os empresários da Zona da Mata pedem mais investimentos na região, por considerá-la em segundo plano nas decisões estaduais, o presidente da Federação das Indústrias de Minas, Olavo Machado, vê o problema de forma geral. Ontem, ao participar de audiência pública na Comissão de Turismo, Indústria e Comércio da Assembleia, foi enfático. Para que a indústria retome o crescimento, é essencial reduzir a carga tributária e a taxa de juros e facilitar o acesso às linhas de crédito para o setor. O presidente da Fiemg destacou que as reivindicações do empresário mineiro são as mesmas há 30 anos.


Primeira lista

O Tribunal Superior Eleitoral divulga oficialmente hoje a relação inicial dos candidatos às eleições de outubro. Esse primeiro edital vai indicar também os candidatos que foram aprovados em convenção, mas que os partidos não pediram registro, e que, por isso, precisam procurar o TSE até o dia 12. A lista completa deve sair na segunda-feira. Os assessores da Justiça Eleitoral avaliam que todas as informações estarão disponibilizadas no sistema até o dia 20 deste mês.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor de fechamento de pista em trecho da Avenida Rio Branco para ciclovia nos fins de semana?