Publicidade

21 de Maio de 2014 - 10:03

Por Tribuna

Compartilhar
 

Oitenta e dois por cento dos professores da rede municipal de ensino aderiram à paralisação da classe, iniciada nesta quarta-feira (21). Isso significa 35 mil alunos sem aula. As informações foram passadas pelo Sindicato dos Professores de Juiz de Fora (Sinpro) e devem ser atualizadas na parte da tarde. Em relação aos docentes do Estado, a diretora do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE), Victória de Fátima de Melo, ainda não informou qual foi a adesão à greve. A expectativa é que esses números também sejam divulgados na parte da tarde. O movimento tenta forçar negociações por melhores condições salariais e de trabalho com o argumento de que a Lei Nacional do Piso - que prevê salário de R$ 1.697 para 40 horas semanais - não é cumprida em sua totalidade.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está evitando contrair dívidas maiores em função da situação econômica do país?