Publicidade

07 de Junho de 2014 - 07:00

Repasse será para Hospital Regional, Teatro Paschoal Carlos Magno, reforma de UBSs, obras de Cesama e recuperação de estrada

Por Hélio Rocha

Compartilhar
 

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) assina neste sábado (7), às 10h, com o Governo do estado, no Premier Hotel, uma série de convênios para repasse de recursos da ordem de R$ 50 milhões, para a conclusão de obras no município nas áreas de saúde, cultura e pavimentação. A destinação de verbas se dará com a presença do governador Alberto Pinto Coelho (PP), que vem à cidade com comitiva para cumprir agenda política e social. Durante a solenidade, Alberto Pinto Coelho vai receber o título de cidadão honorário e benemérito do município. A primeira titulação foi proposta pelo prefeito Bruno Siqueira (PMDB) quando este ainda era vereador na cidade e Alberto Pinto Coelho, deputado estadual. A outra honraria é de autoria do vereador João do Joaninho (DEM). Entre os setores contemplados, segundo a assessoria do Governo mineiro, estarão o Hospital Regional, diversas unidades básicas de saúde (UBSs), a Cesama, um trecho rodoviário entre o Bairro Grama e o município de Chácara, além do Teatro Paschoal Carlos Magno.

Do total de recursos a serem anunciados, R$ 15,5 milhões vão para o Hospital Regional, que é uma das principais esperanças de melhoria na saúde pública do município e teve suas obras paralisadas por dez meses entre 2012 e 2013. Com a retomada dos trabalhos no ano passado, a unidade de saúde já tem hoje mais de 85% de sua estrutura concluída. No total, o empreendimento recebeu R$ 28 milhões. Já a retomada das obras do Teatro Paschoal Carlos Magno, que abarca R$ 6 milhões, é reivindicada há décadas por agentes culturais da cidade, que buscam a conclusão do teatro para torná-lo mais um espaço da cultura em Juiz de Fora. As obras estão paralisadas desde o início de sua construção, nos anos de 1980, em virtude da instabilidade do terreno no local. A Funalfa vem tentando há décadas angariar verbas para a restauração do teatro, tendo já recorrido à Lei Rouanet. Este repasse atende a pedido de recursos feito pelo prefeito Bruno Siqueira nos primeiros dias do mandato do governador.

As obras de asfaltamento que abrangem os quase cinco quilômetros que compõem o trecho entre os bairros Grama e Filgueiras, que dá acesso ao município de Chácara, demandarão R$ 1,2 milhão e estão inseridas no Programa de Recuperação e Manutenção Rodoviária do Estado de Minas Gerais - 2 (ProMG - 2). Outra fração de recursos será destinada a UBSs e a um contrato de financiamento entre o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) e a Cesama.

Ainda segundo a assessoria do Governo estadual, Alberto Pinto Coelho deve vir a Juiz de Fora em companhia do secretário-geral da Governadoria, Custódio Mattos, e o secretário de Estado de Saúde, José Geraldo de Oliveira. Ele também deve estar acompanhado do presidente do Instituto Teotônio Vilela, Pimenta da Veiga. O grupo chega à cidade pela manhã, pouco antes do horário do evento, no Aeroporto da Serrinha, e vai de carro para o Premier Hotel. Após assinar os convênios, o governador participa, ao meio-dia, de encontro regional do PPS, junto ao presidente de honra da sigla no estado, Antônio Jorge Marques, pré-candidato a deputado estadual. Depois dos eventos oficiais, o governador e sua comitiva seguem para a Feijoada 2014, promovida pelo colunista da Tribuna, César Romero.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que campanha corpo-a-corpo ainda dá voto?