Publicidade

29 de Abril de 2014 - 14:27

Procuradoria Federal determinou que administração da UFJF apresentasse ações para garantir os 30% no RU e nas bibliotecas até as 8h de hoje

Por Tribuna

Compartilhar
 

Em assembleia realizada na manhã desta terça-feira (29), os servidores em greve da UFJF decidiram manter fechado o Restaurante Universitário (RU). Entretanto, segundo o coordenador-geral do Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino de Juiz de Fora (Sintufejuf), Paulo Dimas, a Procuradoria Federal determinou que o reitor Henrique Duque decida se pelo menos 30% dos funcionários do RU e das bibliotecas voltem ao trabalho. "Desta forma, a decisão cabe a ele, e não aos funcionários", ressaltou. A assessoria de comunicação da UFJF ainda não tem informações sobre o assunto.

A coordenadora-geral do DCE, Laiz Perrut, disse que a opção dos estudantes pela volta das atividades do RU, conforme deliberado em assembleia ontem, foi levada ao reitor no mesmo dia e aos servidores nesta manhã. Entretanto, Laiz disse que o DCE também não foi informado sobre a decisão de Henrique Duque.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o resultado do PIB nos dois últimos trimestres vai interferir no resultado das eleições?