Publicidade

30 de Abril de 2014 - 19:42

Por Tribuna

Compartilhar
 

Nesta quarta-feira (30), última dia para inscrições de nomes que vão concorrer à Reitoria da UFJF, mais uma chapa foi conhecida. Liderada pela professor Paulo Villela, coordenador de graduação do curso de engenharia elétrica da Faculdade de Engenharia, a Paixão pela UFJF vai concorrer com as outras duas chapas já anunciadas: Viver a nova Universidade, encabeçada pelo diretor da Faculdade de Medicina, Julio Chebli, e Reunir a UFJF, que tem como candidato o diretor da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis, Marcus David. A Associação de Docentes do Ensino Superior de Juiz de Fora (Apes) confirmou todos os nomes às 18h desta quarta, embora o Chebli e David já falassem como candidatos à reitoria desde o inicio da semana.

Júlio Chebli é apoiado pelo atual reitor, Henrique Duque (2007-2014), e tem como candidato a vice-reitor o professor da Faculdade de Direito Marcos Vinício Chein Feres. Chebli graduou-se em medicina pela própria UFJF e ingressou no corpo docente da instituição há 16 anos.

Marcus David, por sua vez, é ligado ao grupo da ex-reitora (1999-2006) e hoje deputada federal, Margarida Salomão (PT-MG), e integra a chapa junto com a candidata a vice Girlene Alves da Silva, ex-diretora da Faculdade de Enfermagem. Ele se graduou em economia pela UFJF, ingressou na instituição como técnico-administrativo em 1991 e assumiu uma cadeira de professor a partir de 1997.

Paulo Villela formou no Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) e é mestre e doutor em engenharia de sistemas e computação pela UFRJ, tendo chegado à UFJF em 1978. Tem como candidato a vice o professor do curso de engenharia elétrica Hélio Francisco da Silva.

Os três postulantes se enfrentam nas urnas, no pleito organizado por representantes dos professores, servidores e estudantes, nos dias 9 e 10 de junho.

Visita

O professor Marcus David visitou nesta quarta a redação da Tribuna para apresentar seu planejamento de campanha e suas propostas para uma eventual gestão à frente da UFJF. Entre os assuntos conversados, o crescimento da instituição nos últimos anos, a relação da Administração com alunos, técnicos e professores, além da gestão da UFJF em pesquisa, ensino e extensão.

Segundo o professor, atualmente a reitoria precisa se organizar melhor internamente para lidar com o crescimento sem conviver com problemas administrativos e poder investir melhor em alunos, técnicos e servidores. Quanto a relação com o município, David acredita que a instituição pode ouvir mais a comunidade ao implementar projetos que interfiram em seu entorno e no restante da cidade.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?