Publicidade

27 de Maio de 2014 - 16:55

Por Tribuna

Compartilhar
 

As quatro empresas que vão assumir de forma emergencial a demanda dos serviços antes de responsabilidade da PH Service e da Alpha, que foram à falência, foram anunciadas pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) nesta terça-feira (27). De acordo com a Secretaria de Comunicação da universidade, as empresas irão assumir os cinco contratos, que englobam mais de 400 funcionários, e iniciar as atividades a partir do dia 1º de junho.

Para o setor de vigilância, a vencedora foi a empresa Plantão Serviços de Vigilância. A conservação ficará a cargo da Planejar. Os serviços de vigia e parte do apoio, como o Centro de Difusão do Conhecimento e outros setores, serão assumidos pela Adcon. Já o serviço de apoio referente ao Museu de Arte Murilo Mendes (Mamm) será assumido pela Conservo.

Pagamento

Ainda conforme a UFJF, nesta terça-feira teve início o pagamento dos funcionários terceirizados que possuem conta-salário vinculada à PH Service. Os 73 terceirizados nesta situação podem procurar qualquer agência do Banco do Brasil, apresentando documento de identidade e CPF para fazer o saque diretamente nos caixas.

O pagamento foi transmitido pela UFJF na última quarta-feira, mas, como os bancos não aceitam depósitos de outro CNPJ senão o da empresa PH, os valores foram devolvidos à universidade e serão pagos por meio de ordem de pagamento.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o resultado do PIB nos dois últimos trimestres vai interferir no resultado das eleições?