Publicidade

03 de Dezembro de 2013 - 07:00

Compartilhar
 

PROCURA-SE

Entender a alma feminina é uma das buscas mais antigas da sociedade. Não é à toa que o tema gera assunto para diversos programas. De folga da televisão desde "Salve Jorge", onde fez figuração de luxo como a tenente Márcia, Fernanda Paes Leme já tem novo projeto. A atriz irá participar da série "A mulher da sua vida", protagonizada por Marcelo Serrado no "Fantástico". Ao longo de quatro episódios, o ator vive diversos personagens em busca da mulher ideal. Mas também aparece como ele mesmo ao entrevistar celebridades como Rogéria, o funkeiro Mr. Catra e o músico Jorge Mautner. "Interpreto várias mulheres diferentes. Todas as situações têm como pano de fundo a ideia de 'Como saber quem é a mulher da sua vida'. Algumas personagens são bem reais, e outras, surreais", brinca a atriz, que volta a trabalhar ao lado de Serrado, com quem contracenou na peça "Rain man". A atriz também poderá ser vista, em breve, na série do GNT, "Amor Veríssimo", que já foi inteiramente gravada e deve ir ao ar no início de 2014.


VOZ EM CENA

É comum que alguns personagens das novelas sejam o alter ego de seus autores. E em "Pecado mortal" não é diferente. Picasso, interpretado por Vitor Hugo, é a voz de Carlos Lombardi no folhetim. Segundo o autor, o detetive destila o seu lado mau. Além disso, Lombardi também emprestou algumas de suas crenças e posturas para Carlão, vivido por Fernando Pavão. No entanto, o autor garante que o personagem não pode ser considerado seu alter ego na novela.


AGORA VAI

Depois de muito tempo engavetado, o telefilme de Renato Aragão, "Didi, o peregrino" já tem data certa para ir ao ar. A produção será exibida no dia 22 de dezembro. Inicialmente, a trama seria exibida no Dia das Crianças. A história infantil aborda a importância da amizade e da fé. É protagonizada pelo artista de rua Didi e sua amiga Rebeca, papel de Monique Alfradique, que, diante de muitos revezes da vida, decidem fazer uma peregrinação pelo caminho de Santiago de Compostela.


FOI BEM

A volta do "Junto & misturado" à grade da Globo. O programa reuniu um elenco talentoso e apresenta uma proposta diferente para as noites de domingo.


FOI MAL

A superexposição da vida íntima de Scheila Carvalho e Tony Salles no ''Domingo da gente". Assim como Roberto Justus e Ticiane Pinheiro, o casal expôs detalhes pessoais desnecessariamente. Além disso, o caso da traição de Tony Salles já havia sido bastante explorado na época de "A fazenda".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?