Publicidade

23 de Maio de 2014 - 06:00

Compartilhar
 

PERSONALIDADE FORTE

Após duas pequenas participações na TV - uma na primeira fase de "Pecado mortal" e outra em "Milagres de Jesus" -, Maytê Piragibe volta a ter um personagem fixo em uma novela da Record, onde está desde 2006. "Sinto que sou valorizada, respeitada, e existe uma admiração mútua." Após a baixa de Gisele Itiê, que sofreu um acidente de moto, a atriz foi convidada para interpretar Renata na trama de Cristianne Fridman. "Ela é uma mulher adulta, casada, com filho. Apaixonada pela sua profissão e por praticar motocross", adianta, revelando que sua personagem é uma veterinária, responsável pela saúde de Filho do Vento, o melhor cavalo do Haras Arminho. Com muitos ganchos na história, além da presença no Haras, Renata vai sofrer com o assédio do chefe, Jorge, de André Di Mauro, e com o mal de Alzheimer desenvolvido pela mãe, Zuzu, de Lucinha Lins. No processo de construção e caracterização para entrar no papel, Maytê pesquisou sobre mulheres com temperamento forte e que cuidam da casa, além de trabalhar fora. Além disso, precisou fazer uma drástica mudança no visual: de morena, passou a ser ruiva. "Tenho de retocar a cada 20 dias. Mas estou adorando a transformação. Uma atriz precisa se dispor a ser camaleônica em prol da personagem", garante.


NOVA CHANCE

Com o fim de "Ídolos", o SBT demitiu algum dos jurados do reality show musical. No entanto, Cyz Zamorano e Thomas Roth devem assinar com a emissora de novo nos próximos dias. Tudo indica que eles participarão da bancada de "Esse Artista Sou Eu". O novo reality, baseado em um formato da Endemol, será comandado pelo recém-recontratado Márcio Ballas.


PARA GRINGO VER

A Record está colhendo o fruto da boa repercussão de suas produções bíblicas. Mesmo ainda em fase de pré-produção, "Dez mandamentos" já está sendo negociada com canais do exterior. Segundo a emissora, a sua primeira novela com temática religiosa, escrita por Vivian de Oliveira, já está quase vendida para o canal Mundo Fox, voltado para o público hispânico dos Estados Unidos.


FOI BEM

Para "Tapas & beijos". Em sua quarta temporada, a série continua com enredo coeso e passeia pelas questões cotidianas com bom humor. Além do quarteto protagonista, destaque para Kiko Mascarenhas, hilário na pele do - agora mendigo - Tavares.


FOI MAL

Para Helena, personagem de Júlia Lemmertz de "Em família". É sabido que as protagonistas de Manoel Carlos são sempre dúbias e cheias de questões. Mas além de tudo, desta vez, ela exagera na arte de ser chata.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está fazendo pesquisa de preços para controlar o orçamento?