Publicidade

12 de Julho de 2014 - 06:00

Compartilhar
 

MUNDO NOVO

Transitar pelos mais diversos gêneros é o desejo de grande parte dos atores. Não foi à toa que Amanda Richter viu na oportunidade de participar de "Meu amigo encosto", série de ficção inédita do Viva, a chance de se aventurar pela comédia. "Estou descobrindo um mundo novo. É um 'timing' de atuação muito diferente. Peguei algumas referências e dicas com profissionais mais ambientados a essa área", explica. Na história, ela vive a inocente Rosemary, uma jovem que trabalha em uma loja de fantasias e nutre uma paixão secreta pelo próprio chefe. No entanto, seu patrão é vítima de um encosto que é apaixonado por Rosemary. "É uma personagem doce e ingênua. Ela não sabe como fazer para seu chefe percebê-la como mulher. O lema dela é ser feliz e faz de tudo para buscar alegria", defende. Entre o período de testes para a série e o início das gravações, Amanda não teve muito tempo para se preparar para a personagem. No entanto, passou algum tempo no Saara, comércio popular do Rio de Janeiro, observando as mais diversas vendedoras. "Olhei como elas se comportam e lidam com os clientes. Peguei algumas referências de filmes românticos para compor o jeito doce e ingênuo dela", ressalta.


DOBRADINHA

A Globo voltou atrás, e Galvão Bueno irá narrar as duas últimas partidas da Copa do Mundo. A emissora temia que não houvesse logística suficiente para deslocar o narrador de Brasília, onde ocorre a disputa pelo terceiro lugar, até o Rio de Janeiro, palco da final. No sábado, Galvão contará com o auxílio de Arnaldo Cézar Coelho, Junior e Walter Casagrande para transmitir a partida entre Brasil e Holanda. Já no domingo, Ronaldo se junta ao time de comentaristas para a disputa entre Alemanha e Argentina.


SÓ NO GOGÓ

Sophie Charlotte, que interpreta a jovem Duda, irá mostrar outros talentos em "O rebu", próximo folhetim das 23h. Na história, durante a festa na mansão de Angela Mahler, papel de Patrícia Pillar, a personagem de Sophie irá cantar "Sua estupidez", uma parceria entre Roberto Carlos e Erasmo Carlos. A novela tem estreia marcada para o dia 14 de julho.


CASAL 20

Os baixos índices de audiência de "Geração Brasil" acionaram os primeiros alertas na Globo. O folhetim tem registrado média de 18 pontos. Para dar maior visibilidade para a história, Angélica e Luciano Huck gravaram uma participação na trama de Filipe Miguez e Izabel de Oliveira. As cenas vão ao ar no próximo dia 19. ''Cheias de charme", que também teve a assinatura da dupla, contou com participações de artistas do casting da Globo, como Fátima Bernardes, Reynaldo Gianecchini e Faustão.


UM BRILHO A MAIS

As joias serão um personagem à parte ao longo dos capítulos de "Império". Para o acervo da fictícia joalheria da história de Aguinaldo Silva, foram feitas mais de duzentas réplicas. A ideia é ter sempre duas linhas básicas: uma que compreende as coleções especiais e outra com as peças tradicionais. Uma das primeiras coleções da trama é inspirada em cores do Brasil, com peças que utilizam pedras brasileiras. ''A pedra que mais faz sucesso no momento é a turmalina paraíba. Então, quando fizemos a seleção das réplicas, escolhemos muitas peças com este tipo de pedra'', explica a produtora Flávia Cristofaro. Rubi e esmeralda também recebem uma atenção especial, mas o foco das joias da novela, no entanto, será sempre o diamante.


NOME NA LISTA

De folga das novelas desde o fim de "Salve Jorge", Totia Meirelles tem novo trabalho acertado na Globo. A atriz irá integrar o elenco de "Alto astral", próxima novela das sete da Globo. Escrita pelo novato Daniel Ortiz, o folhetim tem estreia prevista para novembro e conta com a direção de Jorge Fernando.


RÁPIDAS

# Hoje, Angélica pesca com Michel Teló e o ator Rodrigo Andrade no "Estrelas''.

# Neste sábado, Sabrina Sato estreia o quadro "Busão da Sabrina" e recebe Rodrigo Faro em seu programa.

# No "De frente com Gabi", Marília Gabriela recebe, amanhã, os criadores da ''Galinha Pintadinha''.

# Neste domingo, a cantora Shakira faz um show exclusivo nos estúdios do ''Fantástico''.


FOI BEM

O desempenho de Tainá Müller de "Em família". A atriz se mostra bastante confortável no papel da homossexual Marina. Sem contar que a Tainá não se deixou apagar em cena ao lado de Giovanna Antonelli, que interpreta Clara.


FOI MAL

O momento "sem noção" de Datena ao apresentar o ''Brasil urgente", da Band, de cueca. Nem tudo é válido pela busca da audiência.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que campanha corpo-a-corpo ainda dá voto?