Publicidade

17 de Julho de 2014 - 06:00

Compartilhar
 

NOVAS DIREÇÕES

Aos 19 anos, Marina Ruy Barbosa começa a experimentar projetos mais maduros na carreira. Acostumada a papéis ligados ao universo juvenil, a atriz dará vida à inocente e sensual Maria Ísis, de "Império", próxima novela das nove. Na trama de Aguinaldo Silva, a personagem vive dividida entre a fidelidade à família de aproveitadores e o amor que sente pelo comendador José Alfredo, interpretado por Alexandre Nero. "Esse rótulo de ninfeta não combina com ela. É uma menina-mulher apaixonada. É uma história de desejo, amor e vontade entre eles", defende. Na TV desde 2002, quando estreou em "Sabor da paixão", Marina encarna, pela primeira vez, o perfil de uma personagem sensual e totalmente oposta a sua personalidade. "Ela é muito diferente de tudo que já fiz na TV e de mim mesma. É uma jovem animada e muito para cima. Eu sou mais contida. Os tons são bem acima", explica ela, que espera mostrar uma nova faceta de seu trabalho para o público. "É a chance de ampliar meu leque. Personagens instigantes e diferentes motivam qualquer ator", afirma. Para encarnar a ''lolita'', a atriz contará com um figurino ousado ao longo da trama. No entanto, a ideia de aparecer em peças mais justas não assusta Marina. "Tem muita roupa curta e barriga de fora. Mas faz parte do trabalho", ressalta.


NO CALENDÁRIO

A Band marcou para o dia 4 de agosto a estreia do novo programa de Luiz Bacci, o "Tá na tela". A emissora, inclusive, já divulgou as primeiras chamadas da produção, que irá ao ar nas tardes de segunda a sexta. Depois das eleições, o apresentador irá ganhar um segundo programa aos domingos, antes do "Pânico na Band''.


APELO POPULAR

O "Fantástico" passa por um período de busca por sua identidade. Na tênue linha entre o jornalismo e o entretenimento, o programa estreia, no próximo domingo, dia 20, o quadro "Bem sertanejo", apresentado por Michel Teló. A produção conta a história da música sertaneja no Brasil e traz entrevistas do cantor com personalidades do gênero musical. "Esse é um projeto que eu quero fazer há muito tempo, para mostrar as minhas origens, minhas referências, mostrar para as pessoas um pouco mais da música sertaneja", afirma o cantor. Participam do quadro personalidades como Chitãozinho e Xororó, Daniel e Rick, Paula Fernandes, Sergio Reis, Bruno e Marrone, Luan Santana, Zezé di Camargo e Luciano, Milionário e José Rico, Victor & Leo, Leonardo, Almir Sater e Gustavo Lima.


FOI BEM

O bom desempenho da novata Isabella Santoni, a Karina de "Malhação". Em suas poucas sequências, a atriz já mostrou que sua personagem será um dos destaques da nova temporada.


FOI MAL

A estranha representação do namoro entre Clara e Marina, interpretadas por Giovanna Antonelli e Tainá Müller, na novela ''Em família". Ora elas se beijam na boca, ora não. Uma vez adotada a ideia do beijo gay, não há mais sentido em mostrar as duas se cumprimentando com beijos de longe ou na bochecha.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a retirada das pinturas de Lucio Rodrigues dos pontos de ônibus?