Publicidade

15 de Dezembro de 2013 - 07:00

Compartilhar
 
Emmanuelle Riva e Jean-Louis Trintignant dão vida ao casal Anne e Georges
Emmanuelle Riva e Jean-Louis Trintignant dão vida ao casal Anne e Georges

'Amor'

Georges e Anne são dois professores de música aposentados que já estão na casa dos 80 anos. Vivendo em harmonia, superando, dia a dia os desafios do envelhecimento, o casal é testado quando Anne descobre um problema sério de saúde. Quando ambos começam a provar os sabores da experiência, surgem os dilemas da velhice. Vencedor do Oscar desse ano de melhor filme estrangeiro e do Globo de Ouro de 2012 na mesma categoria, o longa francês revela o processo de envelhecimento sob o ângulo das deficiências, temática pouco vista no universo cinematográfico. Elogiada pela crítica, a produção incitou, nos países por onde passou, o debate sobre a dignidade da velhice e o direito de escolher a própria morte quando já não há mais saúde nem sanidade. Telecine Cult, 22h

"Amour", Áustria/França, 2012. Direção Michael Haneke. Com Emmanuelle Riva, Isabelle Huppert e Jean-Louis Trintignant. Drama, cor, 140 min.


LIXO EXTRAORDINÁRIO

Um dos artistas plásticos brasileiros mais aclamado no exterior, Vik Muniz desenvolveu um trabalho com material reciclável em um dos maiores aterros sanitários do mundo, localizado no Jardim Gramacho, bairro periférico de Duque de Caxias (RJ). Cenário do documentário, o lugar, já desativado, reservava cenas desumanas, enquanto a chegada do artista buscava outros sentidos na vida daquelas pessoas. O filme retrata como os personagens lidaram com a iniciativa artística e o quanto isso modificou suas rotinas. Canal Brasil, 18h45

"Lixo extraordinário", Brasil/ Inglaterra, 2011. Direção Lucy Walker, João Jardim e Karen Harley. Documentário, cor, 99 min.


ARGO

Durante a crise do Irã, em 1980, seis americanos ficam refugiados na embaixada canadense em Teerã. Para tirá-los de lá, um agente da CIA especialista em fugas, Tony Mendez, sugere que uma produção de Hollywood seja utilizada como fachada para a operação. Aproveitando o sucesso de filmes como "Guerra nas estrelas" e "A batalha do planeta dos macacos", a ideia é criar um filme falso de ficção científica - "Argo", que usaria as paisagens desérticas do Irã como locação. Ganhador de três prêmios Oscar, o filme é dirigido e protagonizado por Ben Affleck. HBO, 20h

"Argo", EUA, 2012. Direção Ben Affleck. Com Chris Messina, Kyle Chandler e Rory Cochrane. Drama, cor, 120 min.


Arquitetura musical incomum

Nascido em Irará, na Bahia, Tom Zé foi um dos principais integrantes, juntamente com Caetano Veloso e Gilberto Gil, da Tropicália, nos anos 1960. Revolucionando a cultura brasileira, em especial o campo da música, o movimento previa a internacionalização da arte brasileira, introduzindo o experimentalismo em suas diversas vertentes. Para isso, era preciso uma dose de talento e outra de crítica. E o homem franzino, que se utiliza de utensílios do cotidiano para servir de instrumentos em seus shows, ainda lança mão das premissas tropicalistas, sendo um dos mais ácidos artistas da música brasileira contemporânea. Na estreia do programa "Passagem de som", neste domingo, Tom Zé passeia pelas ruas do Centro da capital paulista recordando seu passado, quando as condições socioeconômicas contribuíram para o surgimento do tropicalismo. O músico recorda canções como "Coração materno", sucesso na voz de Caetano Veloso, e visita a oficina do luthier Murilo Ferreira. A atração traz, ainda, depoimento da cantora Gal Costa e imagens dos ensaios do show no qual o cantor interpreta sucessos de sua carreira, como "Ave dor Maria", de sua autoria, "Xique-xique", em parceira com José Miguel Wisnik, e "Pisa na fulô", de João do Valle, Silveira Jr. e Ernesto Pires. Sesc TV, 21h


FESTIVAL PROMESSAS

Realizada em Brasília, no último dia 30, o show com seis horas de duração reuniu mais de cem mil espectadores na Esplanada dos Ministérios e nomes de peso da música gospel, como as bandas Diante do Trono e Oficina G3 e os cantores Aline Barros, Thalles, Bruna Karla, André Valadão, Ana Paula Valadão e Jonas Vilar. Globo, 14h49


CURTA TV

Apresentado por Renata Boldrini, o programa destaca a importância dos filmes de curta duração na carreira tanto de cineastas consagrados, como Sandra Wernek, Jorge Furtado e Fernando Meirelles, quanto na de diretores recém-chegados ao universo de longa-metragem, como Juliana Rojas, Afonso Poyart e Kleber Mendonça Filho. A atração resgata produções como "Ilha das Flores", de Furtado, e "Palace II", de Meirelles. TV Brasil, 1h15

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você tem percebido impacto positivo das operações policiais nas ruas da cidade?