Publicidade

19 de Dezembro de 2013 - 18:34

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Os aeronautas aceitaram as propostas das companhias aéreas e cancelaram a greve que estava prevista para esta sexta-feira, 20 - data que as empresas esperam registrar um recorde histórico no número de passageiros transportados.

A categoria, que engloba pilotos, copilotos e comissários de voo, participou nesta quinta-feira, 19, de assembleias do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) em cinco cidades: Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Porto Alegre.

"Em respeito aos usuários do transporte aéreo e pela fragilidade do sistema da aviação brasileira, decidimos cancelar a paralisação, mas vamos continuar nossa busca por melhores condições de trabalho e para o setor", afirmou o presidente do SNA, Marcelo Ceriotti, segundo nota divulgada pelo sindicato.

Os tripulantes reivindicavam um reajuste de 8% nos salários, mas acabaram aceitando o aumento de 5,6% proposto pelo Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA), que corresponde à variação da inflação. Também foi estabelecido piso salarial para copiloto e comandante, melhores condições de escala para as tripulantes e passe livre (permite que os aeronautas da aviação regular utilizem voos domésticos das empresas congêneres).

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?