Publicidade

26 de Dezembro de 2013 - 20:25

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Marco Antonio Zago foi escolhido nesta quinta-feira, 26, o novo reitor da Universidade de São Paulo (USP) pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). Zago deve assumir o cargo no dia 25 de janeiro, quando o atual reitor, João Grandino Rodas, deixa o posto. O vice-reitor será o pró-reitor licenciado de Pós-Graduação, Vahan Agopyan.

Zago é pró-reitor de Pesquisa licenciado da instituição e se afastou do cargo para disputar as eleições para a reitoria. Ele tem graduação em medicina pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP. Lá, fez mestrado e doutorado em clínica médica. Membro da Academia Brasileira de Ciências, presidiu o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), de 2007 a 2010.

Embora tenha integrado a atual gestão, hoje ele faz oposição ao reitor João Grandino Rodas e chegou a obter o apoio de um dos rivais na disputa, José Roberto Cardoso, diretor da Poli licenciado, o menos votado na consulta e que não chegou a compor a lista tríplice enviada ao governador.

Zago disputava o cargo com Hélio Nogueira da Cruz, vice-reitor licenciado da atual administração - o segundo colocado na eleição - e Wanderley Messias da Costa, superintendente de Relações Institucionais licenciado. Costa era o candidato apoiado por Rodas.

Alckmin anunciou a decisão às 16h57 por meio de sua conta na rede social Twitter : "Acabo de nomear o professor Marco Antonio Zago para a função de reitor da nossa USP. Desejo a ele um bom trabalho em benefício da comunidade acadêmica e de nosso Estado." Em campanha, Zago defendeu que a USP seja "um instrumento para mudança da sociedade".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?