Publicidade

15 de Janeiro de 2014 - 18:10

Por Daiene Cardoso e Rafael Moraes Moura - Agencia Estado

Compartilhar
 

O vice-presidente Michel Temer deixou seu gabinete, na tarde desta quarta-feira, 15, para reunião com a presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto. Temer estava acompanhado do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). A conversa deve ser em torno da reforma ministerial, a ser feita até março, e a ampliação do espaço do PMDB na Esplanada.

Temer se reuniu por aproximadamente 30 minutos com Renan Calheiros e o senador Romero Jucá (PMDB-RR). "A expectativa é ter uma conversa para ajustar a relação e poder acabar com esse clima de incerteza e tensão. Isso não é bom para ninguém", comentou Jucá. De acordo com Jucá, o foco da tensão não se resume apenas à incorporação do Ministério da Integração Nacional na cota dos peemedebistas, mas sim na relação PMDB e PT.

A cúpula do PMDB se reunirá na noite desta quarta no Palácio do Jaburu, residência oficial da vice-presidência, para discutir a decisão da presidente de não ampliar o espaço do PMDB no Ministério. Os peemedebistas estão de olho nas vagas deixadas pelo PSB, mas Dilma avisou que pretende acomodar outros partidos no governo.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor de fechamento de pista em trecho da Avenida Rio Branco para ciclovia nos fins de semana?