Publicidade

12 de Janeiro de 2014 - 16:43

Por Marina Guimarães, correspondente - Agencia Estado

Compartilhar
 

O bilionário argentino Eduardo Eurnekian, presidente da Corporación América, desembarca nesta segunda-feira, 13, no Brasil para avançar nas negociações de compra da participação de 33% que o empresário Eike Batista tem na fábrica Six Semicondutores AS, confirmou neste domingo, 12, à reportagem a diretora de Assuntos Públicos da Corporación América, Carolina Barros. Eurnekian visitará a fábrica ao lado de Luciano Coutinho, presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que também possui participação acionária na Six, além da Internacional Business Machines Corporation (IBM).

A diretora da Corportación América evitou citar números, dizendo apenas que os detalhes e o valor da operação ainda estão sendo negociados. Porém, fontes familiarizadas com a negociação afirmam que Eurnekian pagaria cerca de R$ 200 milhões para ser o novo acionista da fábrica. A Six foi instalada em 2012, em Ribeirão das Neves, em Minas Gerais, com um plano de investimentos de R$ 1,2 bilhão. As fontes contaram que, no mês passado, uma missão do BNDES viajou a Buenos Aires para apresentar a proposta a Eurnekian porque precisava de um novo investidor no lugar de Eike Batista, que sofreu graves problemas financeiros no ano passado.

Eurnekian gostou da ideia porque possui em Chascomús, a 120 quilômetros de Buenos Aires, província de Buenos Aires, a fábrica de semicondutores Unitec Blue, inaugurada há menos de um ano. Na unidade, fabrica chips para cartões de crédito, telefones celulares, identificação eletrônica, passes de ônibus etc. O principal mercado externo da Blue Unitec é o Brasil, para o qual fornece todos os produtos mencionados. Depois que Eike Batista apresentou dificuldades para manter suas ações na Six, a entrada de Eurnekian no negócio é uma alternativa para evitar prejuízos ao BNDES e à IBM.

O governo brasileiro considera a iniciativa um movimento estratégico importante para a integração da cadeia produtiva entre os dois países. "É este tipo de iniciativa de integração produtiva que nossos países necessitam", afirmou uma das fontes ouvidas pela reportagem. Six pretende fabricar chips para uso em aplicações médicas e industriais, complementando suas linhas com os semicondutores e circuitos integrados para cartões inteligentes que já são fabricadas pela Unitec Blue.

Eurnekian é considerado pela revista "Forbes" um dos homens mais ricos da Argentina. A Corporación América detém a concessão de todos os aeroportos na Argentina, e vários outros na América Latina e Europa, além dos terminais brasileiros de Natal e Brasília. Com investimentos previstos de US$ 1,2 bilhão até 2016, em maio do ano passado, ele inaugurou a Unitec Blue com a meta de ser líder regional no segmento, competindo com o Brasil, mercado onde a demanda poderia superar US$ 600 milhões anuais, somente em chips para cartões dos setores de transporte público, financeiro e de telefonia móvel.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?