Publicidade

11 de Março de 2014 - 07:04

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

A boa campanha no Rio Open recolocou Thomaz Bellucci na condição de melhor tenista brasileiro no ranking da ATP, atualizado nesta segunda-feira e que tem o espanhol Rafael Nadal na liderança ainda mais folgada, com uma vantagem de 4 mil pontos após ser campeão do torneio carioca no último domingo.

Bellucci não foi tão longe quanto Nadal, mas ao alcançar as quartas de final do Rio Open, em que acabou sendo derrotado pelo espanhol David Ferrer, somou 90 pontos e conseguiu um salto de 22 posições. Agora está em 108º lugar, com 532 pontos e a 25 do Top 100, que é fechado pelo austríaco Dominic Thiem.

Assim, ele voltou a ser o tenista número 1 do Brasil, ultrapassando João Souza, conhecido pelo apelido Feijão. Eliminado na primeira rodada do Rio Open, Feijão perdeu seis posições no ranking da ATP e está em 129º lugar, com 458 pontos.

Sem alterações nas 14 primeiras posições, a lista tem agora Nadal com uma vantagem ainda mais confortável após conquistar o título do Rio Open. O espanhol somou 500 pontos pelo título no Brasil e chegou aos 14.580, com 4 mil a mais do que o sérvio Novak Djokovic, o segundo colocado. A pontuação equivale a dois títulos dos torneios do Grand Slam.

O suíço Stanislas Wawrinka permanece na terceira colocação, com uma vantagem de 190 pontos para o espanhol David Ferrer, semifinalista do Rio Open. O argentino Juan Martin del Potro continua em quinto lugar, seguido pelo checo Tomas Berdych, pelo britânico Andy Murray, pelo suíço Roger Federer e pelos franceses Richard Gasquet e Jo-Wilfried Tsonga, que completam o Top 10 e participaram do Torneio de Marselha na semana passada - Tsonga foi vice-campeão e Gasquet parou nas semifinais.

Ambos foram derrotados pelo letão Ernests Gulbis, que foi campeão em Marselha e alcançou o Top 20 do ranking da ATP pela primeira vez na sua carreira ao atingir o 18ºlugar. Campeão do Torneio de Delray Beach, nos Estados Unidos, ao vencer o sul-africano Kevin Anderson (7/6, 6/7 e 6/4) em final na noite de domingo, o croata Marin Cilic subiu quatro colocações e está em 25º lugar, quatro posições atrás do vice-campeão na Flórida.

Já o ucraniano Alexandr Dolgopolov, batido por Nadal na final do Rio Open, subiu 16 postos no ranking com o vice-campeonato e agora ocupa a 38ª colocação.

Confira a classificação atualizada do ranking da ATP:

1) Rafael Nadal (ESP), 14.580 pontos

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?