Publicidade

10 de Março de 2014 - 21:48

Por Edgar Maciel, com informações da Dow Jones Newswires - Agencia Estado

Compartilhar
 

São Paulo, 28/01/2014 - As bolsas asiáticas tiveram uma sessão de calma após três pregões consecutivos de queda na região influenciada pela turbulência nos mercados emergentes. Mesmo assim, a maioria dos mercados da região fecharam em queda, à espera da reunião do Federal Reserve de amanhã, que pode decidir por mais uma redução no programa de estímulos à economia norte-americana e, por sua vez, intensificar os problemas de fluxo de capital nos países em desenvolvimento.

O mercado global tem apresentado forte pressão desde quinta-feira da semana passada, quando os últimos indicadores da China mostraram uma contração do setor industrial. Isso provocou um movimento intenso de venda nos mercados emergentes, com Argentina e Turquia em foco, que depois se espalhou para mercados desenvolvidos como Estados Unidos e Japão.

Vários mercados emergentes têm sito afetados por problemas específicos de cada país, mas a cautela geral é a preocupação com a reunião de política monetária do Federal Reserve deste mês de janeiro, que começa nesta terça-feira e vai anunciar sua decisão amanhã. A expectativa do mercado é se o Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em Inglês) deve decidir sobre uma nova redução no seu programa de compra de bônus mensal. Muitos analistas esperam um corte de mais de US$ 10 bilhões nos estímulos.

As bolsas da região já estão em um ritmo antecipado do feriado chinês na quinta-feira, quando acontece o ano-novo Lunar no país.

Na China, o mercado reagiu a uma injeção do Banco do Povo da China (PBoC, Banco Central do país) de 375 bilhões de yuans no sistema bancário na semana passada que ajudou a aumentar a liquidez do sistema antes do feriado. O índice Xangai Composto registrou alta de 0,3%, a 2.038,51 pontos, impulsionado pelas ações da Shaanxi Coal Industrial, que fez uma oferta pública de ações e conseguiu levantar 4 bilhões de yuans (US$ 661 milhões). O índice Shenzen Composto foi na direção oposta e caiu 0,3%, aos 1.079,84 pontos.

Em outras partes da Ásia, o índice sul coreano Kospi subiu 0,3%, aos 1.916,93 pontos. Em Hong Kong, houve leve perda de 0,1%, aos 21.960,64 pontos. Já o índice filipino PSEi fechou em queda de 1,0%, aos 6.022,81 pontos, com o mercado cauteloso sobre o resultado do Produto Interno Bruto do país no quarto trimestre, que será divulgado na quinta-feira. Na Austrália, o índice S&P/ASX 200 voltou do feriado de ontem com um recuo 1,3%, aos 5.158,9 pontos. É a maior queda na bolsa australiana das últimas duas semanas. (Edgar Maciel, com informações da Dow Jones Newswires - edgar.maciel@estadao.com)

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?