Publicidade

11 de Dezembro de 2013 - 10:01

Por Fernando Nakagawa, correspondente - Agencia Estado

Compartilhar
 

A Agência Internacional de Energia (AIE) elevou ligeiramente a previsão de demanda por petróleo no Brasil. As estimativas foram ajustadas após o aumento da demanda em ritmo acima do esperado nos últimos meses, em especial da gasolina. Para a Agência, mesmo com o recente aumento do preço do combustível, os preparativos para a Copa do Mundo devem manter aquecida a demanda por combustíveis nos próximos meses no País.

De acordo com relatório divulgado nesta quarta-feira, 11, o Brasil deve consumir a média de 3,105 milhões de barris de petróleo por dia em 2013. O volume é 4% acima do registrado em 2012. Até o mês passado, a AIE previa volume menor, de 3,096 milhões de barris diários.

Também foi elevada a estimativa de consumo de petróleo em 2014. No ano da Copa do Mundo, o mercado brasileiro deve demandar uma média diária de 3,194 milhões de barris, volume 2,9% maior que o esperado para este ano. Até novembro, a Agência esperava consumo médio de 3,181 milhões de barris.

"Particularmente, a demanda por gasolina superou nossas expectativas. Os dados mais fortes do que o esperado nos meses mais recentes elevaram a previsão de crescimento este ano, ainda que o recente aumento de preços da gasolina possa limitar o crescimento por enquanto. Mas a construção da infraestrutura para a Copa do Mundo de 2014 deve continuar suportando a demanda", diz a entidade.

No acumulado de 12 meses até setembro, o Brasil consumiu uma média de 3,136 milhões de barris por dia, volume que representa alta de 4,4% na comparação anual. A tendência positiva continuou em outubro, mostram os dados preliminares. "O recente fortalecimento da demanda continuou em outubro, com entrega média de 3,3 milhões de barris por dia. O volume é 95 mil barris por dia superior ao visto um ano antes e 80 mil barris acima da previsão do relatório do mês passado", diz a AIE.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?