Publicidade

11 de Dezembro de 2013 - 14:32

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

A seleção brasileira feminina de handebol conheceu sua quarta vitória seguida no Mundial da categoria, em Nis, na Sérvia. Nesta quarta-feira, jogou com autoridade contra o Japão, venceu por 24 a 20, e deixou para a última rodada, contra a Dinamarca, a definição do primeiro lugar do Grupo B.

Assim como já havia sido contra Argélia e China, principalmente, o Brasil se manteve à frente do placar praticamente todo o jogo e controlou o resultado. Sempre que o Japão encostava, as brasileiras apertavam um pouco mais e voltavam a se distanciar. O único momento de maior dificuldade foi na volta do intervalo, quando a folga caiu para dois pontos, apenas. O primeiro tempo terminou em 12 a 8 para o Brasil.

Autora de quatro gols, Duda foi eleita a melhor em quadra em Nis. Alexandra, porém, foi mais uma vez a artilheira do time, com cinco gols. Pela primeira vez na competição, Dani Piedade começou como titular na posição de pivô.

Depois de vencer Argélia, China e Sérvia, a seleção brasileira chegou aos oito pontos no Grupo B (no handebol, cada vitória vale dois pontos). A Dinamarca tem seis e joga logo mais contra a Sérvia. Se as dinamarquesas confirmarem o favoritismo, chegam ao confronto direto contra o Brasil, na sexta, jogando pelo empate para ficar no primeiro lugar do grupo, uma vez que já têm melhor saldo de gols.

Avançar em primeiro significaria pegar nas quartas de final do Mundial muito provavelmente a Holanda, que tende a ficar com o quarto lugar do Grupo A. Assim, as brasileiras fugiriam de França, Montenegro e Coreia do Sul, rivais que, teoricamente, são mais fortes e brigam pelo primeiro lugar daquela chave.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?