Publicidade

11 de Março de 2014 - 06:15

Por Fabio Leite - Agencia Estado

Compartilhar
 

Engenheiros da Caixa Econômica Federal estão vistoriando nesta sexta-feira, 21, os 940 apartamentos do conjunto habitacional em Itaquera, zona leste de São Paulo, que foi depredado na quinta feira após reintegração de posse que terminou em confronto entre moradores que haviam invadido o local há 7 meses e a Tropa de Choque da Polícia Miliar. O condomínio é do Programa Minha Casa Minha Vida do governo federal.

A saída dos cerca de 3 mil moradores só acabou por volta da 0h30 desta sexta. Cerca de 30 vigilantes de uma empresa de segurança privada contratada pela Caixa e seis viaturas da PM estão no condomínio para impedir o retorno das famílias. O conflito que envolveu 120 policiais, teve bombas de efeito moral, gás lacrimogêneo e balas de borracha. Moradores atiraram paus e pedras. O saldo foi de ao menos 24 feridos e quatro suspeitos detidos.

Segundo a Caixa, os apartamentos serão totalmente recuperados antes da entrega das chaves aos beneficiários. "A Caixa garante aos beneficiários de direito, selecionados pelo Programa Minha Casa Minha Vida, que as unidades habitacionais serão entregues em perfeito estado de habitabilidade", informou o banco nota.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Governo federal deve refinanciar as dívidas dos clubes de futebol?