Publicidade

15 de Dezembro de 2013 - 16:13

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Justino Alves Lopes da Silva, de 78 anos, chefe de gabinete do deputado estadual Luiz Paulo Corrêa da Rocha (PSDB), foi morto a tiros, no sábado, 14, de manhã, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. A polícia investiga se o crime ocorreu após uma tentativa de assalto ou se teria sido premeditado.

Testemunhas foram identificadas e serão chamadas a prestar depoimento. O carro da vítima foi roubado e ainda não foi localizado. O corpo será enterrado às 16 horas no Cemitério Memorial do Carmo, no Caju.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?