Publicidade

11 de Janeiro de 2014 - 10:07

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O clássico de Los Angeles disputado na rodada de sexta-feira na NBA mostrou bem a nova realidade no que diz respeito ao basquete da cidade. Segundo maior vencedor de títulos da liga, com 16, o Lakers tem ficado para trás do Clippers, que nunca foi campeão. O auge desta disparidade aconteceu na sexta, com a maior vitória do Clippers sobre seu principal rival na história: 123 a 87.

Os 36 pontos de vantagem superaram a marca anterior de 31, obtida em 1992. E a diferença só não foi maior porque o Clippers diminuiu o ritmo no último período, quando atuou o tempo todo com reservas, e viu o adversário vencer o quarto por cinco pontos. Além disso, a equipe estava sem seu principal jogador, o armador Chris Paul, que segue lesionado.

A diferença foi tamanha que o Lakers anotou somente oito pontos no terceiro quarto. O destaque da equipe acabou sendo o armador Kendall Marshall, autor de 16 pontos e 10 assistências. O cestinha da partida, no entanto, foi Blake Griffin, que marcou 33 pontos, além de 12 rebotes. O armador Darren Collison também contribuiu para a vitória do Clippers com 20 pontos.

Em outro grande jogo da noite, o Brooklyn Nets provou que sua reação neste início de ano não é por acaso e derrotou o poderoso Miami Heat por 104 a 95, após duas prorrogações. Joe Johnson marcou 26 pontos apenas no primeiro tempo e terminou a noite com 32. Shaun Livingston colaborou para a vitória com 19 pontos e 11 rebotes, mas o cestinha foi mesmo LeBron James, com 36 pontos.

No fim do tempo normal, Paul Pierce teve a chance de dar a vitória ao Nets com uma bola de três, mas desperdiçou. Na prorrogação, LeBron James acabou excluído com seis faltas, mas ainda assim Norris Cole apareceu nos segundos finais para forçar mais um tempo extra. No entanto, sem seu principal jogador, o Heat se tornou presa fácil e acabou derrotado.

A noite também teve brasileiros em quadra. O melhor deles foi Anderson Varejão, que marcou apenas dois pontos, mas pegou 14 rebotes e foi decisivo na vitória do Cleveland Cavaliers por 113 a 102 sobre o Utah Jazz. Nenê marcou 12 pontos, mas seu Washington Wizards fez apenas 66 e acabou atropelado pelo Indiana Pacers por 93 a 66. Já Leandrinho, de volta à NBA, marcou quatro pontos e viu seu Phoenix Suns cair diante do Memphis Grizzlies por 104 a 99.

Indiana Pacers 93 x 66 Washington Wizards

Veja as partidas da NBA neste sábado:

Toronto Raptors x Brooklyn Nets

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor de fechamento de pista em trecho da Avenida Rio Branco para ciclovia nos fins de semana?