Publicidade

11 de Dezembro de 2013 - 11:46

Por Laís Alegretti, Eduardo Cucolo e Ricardo Della Coletta - Agencia Estado

Compartilhar
 

O presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade, disse, nesta quarta-feira, 11, que a ampliação dos investimentos públicos e privados é pré condição para viabilizar o aumento da produtividade no Brasil. Durante o Encontro Nacional da Indústria 2013, realizado na manhã de hoje e que teve a presença da presidente Dilma Rousseff, ele elogiou as "ações acertadas" do governo federal na área de infraestrutura, citando a lei dos portos, concessões de rodovias, ferrovias e aeroportos, além do leilão do campo de Libra.

Andrade afirmou que, com regras estáveis e atraentes, sempre haverá empresas interessadas em investir. Ele disse ainda que já começou a ser sentida a redução do tempo de entrada de mercadorias em aeroportos sob gestão da iniciativa privada. "Com adoção de diversas medidas, o governo federal tem feito esforços pra reduzir custos produtivos, estimular investimentos e modernizar infraestrutura", disse.

O presidente da CNI ressaltou o papel do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no processo de reação à crise. "Ele é fundamental para o desenvolvimento da infraestrutura brasileira e para adaptação da indústria", afirmou. No início do seu discurso na abertura do oitavo Encontro Nacional da Indústria, ele disse que a presidente Dilma Rousseff "sempre manteve um aberto diálogo com a iniciativa privada". "A indústria brasileira tem força e qualidade para conquistar espaços e vencer no mais acirrado dos mercados. Para isso, precisamos concorrer em igualdade de condições com produtos de outros países", afirmou. "O objetivo aqui é o de analisar o cenário do país, definir tendências e posição da indústria diante das incertezas no panorama internacional."

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?