Publicidade

17 de Dezembro de 2013 - 19:07

Por Mariângela Galucci - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) recomendou nesta terça-feira aos tribunais estaduais que criem num prazo de 30 dias juizados do torcedor e de grandes eventos. A sugestão tem o objetivo de tentar prevenir atos de violência em estádios e preparar o País para a Copa do Mundo do próximo ano e para os Jogos Olímpicos de 2016.

De acordo com informações divulgadas pelo CNJ, os juizados terão competência para decidir causas cíveis, fazendárias e criminais, como delitos de menor potencial ofensivo. Pela recomendação do conselho, coordenadorias deverão ser criadas para desempenhar tarefas como a manutenção de um banco de dados que informe quais torcedores estão impedidos de frequentar jogos de futebol.

A recomendação foi feita pelo CNJ dias após torcedores do Vasco e do Atlético Paranaense terem entrado em confronto durante uma partida em Joinville, na última rodada do Campeonato Brasileiro. Quatro torcedores chegaram a ser hospitalizados por causa dos ferimentos decorrentes da briga.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?