Publicidade

09 de Dezembro de 2013 - 10:04

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Depois de mais dois meses afastado dos gramados por causa de uma grave lesão muscular, Ronaldinho Gaúcho voltou em grande estilo ao Atlético-MG, marcando duas vezes do empate por 2 a 2 com o Vitória, no último domingo, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, pela rodada final do Campeonato Brasileiro.

O craque balançou as redes primeiro em uma bela cobrança de falta e depois assegurou a igualdade no placar ao converter uma penalidade, no final do jogo. Após o duelo, o técnico Cuca exaltou a boa atuação do maior astro da equipe, que chegou a ser tido como dúvida para o Mundial de Clubes da Fifa, no Marrocos, para onde a delegação atleticana irá embarcar na manhã desta segunda-feira.

"A gente fica feliz porque não é fácil o jogador passar dois meses sem jogar, não treinando com tanta intensidade, até por precaução. Mas ele (Ronaldinho) foi suportando a partida, o jogo foi ficando bom para ele e a gente foi deixando ele em campo", disse o comandante.

O Atlético chegou a tomar dois gols logo no início da partida do último domingo, fato que fez Cuca também elogiar o poder de superação de sua equipe atuando diante do rival que ainda sonhava em conquistar uma vaga na Copa Libertadores.

"Alternamos bons e maus momentos, até porque tomamos um gol aos três minutos, em um lance despretensioso, e outro aos cinco minutos. Aí, você ter que remontar em cima de uma equipe como o Vitória, que joga em velocidade, é muito difícil. Martelamos, fizemos um gol no final do primeiro tempo e, no segundo tempo, tivemos uma supremacia grande", analisou o técnico, que depois completou: "Foi um jogo de superação e bem jogado também. Tivemos calma e qualidade para definir, fomos felizes e, no final, empatamos".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?