Publicidade

10 de Março de 2014 - 21:35

Por Gabriela Lara - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Índice Nacional de Custo da Construção - Mercado (INCC-M) subiu 0,70% em janeiro, mostrando aceleração ante a alta de 0,22% de dezembro, divulgou nesta terça-feira, 28, a Fundação Getulio Vargas (FGV). A taxa ficou acima do intervalo de estimativas dos analistas do mercado financeiro consultados pelo AE Projeções (de 0,40% a 0,68%).

O grupo Materiais, Equipamentos e Serviços registrou variação positiva de 0,37% em janeiro, após o avanço de 0,23% apurado na leitura do mês anterior. O item relativo a Materiais e Equipamentos subiu 0,33% neste mês, ante 0,26% em dezembro, enquanto o referente a Serviços teve elevação de 0,52% em janeiro, ante 0,12% no mês anterior. O índice relativo Mão de Obra, por sua vez, variou 1% no primeiro mês de 2014. Em dezembro, a taxa havia sido de 0,21%.

Cinco das sete capitais analisadas registraram aceleração em suas taxas de variação em janeiro ante dezembro: Salvador (de 0,28% para 0,54%), Brasília (de -0,05% para 0,12%), Belo Horizonte (de 0,04% para 4,21%), Porto Alegre (de 0,03% para 0,49%) e São Paulo (de 0,11% para 0,19%). Na contramão, Recife (de 2,29% para 0,22%) e Rio de Janeiro (de 0,21% para 0,18%) tiveram desaceleração.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Governo federal deve refinanciar as dívidas dos clubes de futebol?