Publicidade

05 de Janeiro de 2014 - 11:43

Por Aline Bronzati - Agencia Estado

Compartilhar
 

A Delegacia do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão (DAIRJ) instaurou inquérito para apurar crime de lesão corporal na queda de uma menina argentina de três anos, ontem à tarde. Os pais da vítima, funcionários da Infraero e também o médico que atendeu a criança após o fato já foram ouvidos, conforme informação da assessoria de imprensa da Polícia Civil do RJ ao

As investigações estão em andamento e a polícia procura possíveis testemunhas que possam ajudar no esclarecimento das causas do acidente. A polícia também aguarda, conforme a assessoria de imprensa, o laudo pericial do local e ainda o boletim de atendimento do hospital. Não há previsão para a divulgação dos mesmos.

A menina caiu de uma altura de sete metros num vão do terminal 2 do Aeroporto do Galeão, por volta das 17 horas de ontem. Ela está internada em estado grave no Centro de Terapia Intensiva do Hospital Souza Aguiar. Teve traumatismo craniano e de face. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o quadro evolui bem.

A criança chegou ao hospital consciente. Ela estava brincando com dois irmãos perto de uma escada rolante no segundo andar do terminal quando caiu num vão. O local já foi periciado e não passa por obras. Segundo a Infraero, existe um guarda-corpo para prevenir acidentes.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?