Publicidade

21 de Dezembro de 2013 - 14:10

Por Elder Ogliari - Agencia Estado

Compartilhar
 

A presidente Dilma Rousseff pediu desculpas por ter levado o neto de três anos no colo no banco de trás de um veículo, em mensagens postadas no Twitter no fim da noite desta sexta-feira (20). A infração, considerada "gravíssima" pelo Código de Trânsito Brasileiro, ocorreu na zona sul de Porto Alegre, foi flagrada por um fotógrafo do jornal Zero Hora e provocou críticas nas redes sociais.

"Estive hoje na casa da minha filha e, de lá, levei meu neto à casa do avô, que fica no mesmo bairro. Meu neto foi abraçado comigo no banco de trás", disse a presidente. "Foi um erro", admitiu. "A legislação de trânsito é clara: criança tem que andar na cadeirinha. Peço desculpas pelo erro".

Poucas horas antes, na manhã de sexta-feira, durante a inauguração da BR-448, em Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre, Dilma havia pedido que todos tenham maior preocupação com a segurança no trânsito neste período de Festas de fim de ano. "Convido todos os brasileiros a se comprometerem com práticas de direção segura nas cidades e rodovias. Vamos preservar vidas e garantir que as Festas de fim de ano sejam motivos de celebração", disse a presidente ao encerrar o discurso que fez na solenidade. Depois de inaugurar a obra e de visitar familiares na sexta-feira, Dilma retornou a Brasília neste sábado.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?