Publicidade

22 de Janeiro de 2014 - 19:03

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Durou pouco mais de 1 mês a passagem de Felipe Ximenes pelo Fluminense. Apresentado oficialmente no dia 17 de dezembro como diretor executivo de futebol do clube, ele foi demitido e deixou o cargo nesta quarta-feira, sem ter tempo de fazer muita coisa no período.

Felipe Ximenes já tinha trabalhado anteriormente no Fluminense, como gerente de futebol em 2009. Nos últimos quatro anos, ele esteve no Coritiba, de onde saiu em setembro. E em dezembro, aceitou o convite do presidente Peter Siemsen para voltar ao clube carioca, ocupando o lugar que era de Rodrigo Caetano.

"Estou entrando como mais uma peça de uma grande engrenagem que é o projeto do presidente Peter Siemsen. Não estou começando nada, é um processo que já começou há três anos. É uma continuidade de projeto. Não estou chegando para fazer nenhuma novidade mirabolante", chegou a dizer Felipe Ximenes quando assumiu o cargo.

Nesta quarta-feira, porém, ele foi demitido. Em rápido comunicado, o Fluminense informa que "as partes chegaram a um acordo" para rescindir o contrato, mas não explica as razões que levaram à saída tão precoce de Felipe Ximenes. E nem avisa quem será o eventual substituto.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você escolhe seu candidato através de: