Publicidade

13 de Dezembro de 2013 - 08:46

Por Bruno Paes Manso - Agencia Estado

Compartilhar
 

E-mails apócrifos a docentes da USP atacando os candidatos, denúncias de uso da máquina, decisões que beneficiam a comunidade às vésperas da votação. As denúncias de "jogo sujo" se avolumam com a proximidade do dia 19, quando será escolhida a lista tríplice para reitor.

Em uma das mensagens, o autor anônimo faz referência à idade de Marco Antonio Zago, de 68 anos, que ficou em 1º lugar na consulta feita terça-feira, 10, a alunos e professores. Segundo o e-mail, ele teria de deixar o cargo aos 70 anos por causa da aposentadoria. Zago diz que não é o caso.

Outros críticos acusam que algumas decisões da instituição são eleitoreiras. Nesta semana, foi anunciada a liberação de 537 contratações. Para o professor e ex-reitor Roberto Lobo, a comunidade deve repensar as regras eleitorais. "Diante do quadro que vemos, novas regras serão necessárias." As informações são do jornal

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você participa das celebrações da Semana Santa?