Publicidade

09 de Janeiro de 2014 - 04:46

Por Marcelo Ribeiro Silva, com informações da Associated Press e da Dow Jones Newswires - Agencia Estado

Compartilhar
 

O presidente do Banco da Coreia (BoK, na sigla em inglês), Kim Choong-Soo, afirmou nesta quinta-feira que a autoridade monetária manteve a sua previsão de crescimento do país para 2014 em 3,8%. Ele também afirmou que espera que produto interno bruto (PIB) sul-coreano avance 4% em 2015.

De acordo com Kim, em 2014, a economia sul-coreana vai registrar a expansão mais expressiva em quatro anos à medida que a recuperação global continua. Ele também disse que a decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) de reduzir o programa de estímulos é favorável à Coreia do Sul, pois mostra que a economia norte-americana está se recuperando.

Os comentários do presidente da autoridade monetária da Coreia do Sul foram feitos após o BoK anunciou que a taxa de juros permaneceria estável em 2,50%. Segundo Kim, a decisão foi unânime.

A decisão veio em meio às preocupações de que o iene fraco do Japão e a ascensão do won sul-coreano possam prejudicar o crescimento do país. Para Kim, o impacto negativo da queda do iene está limitado a certas indústrias, como as de automóveis, de aço e de máquinas.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que alertas em cardápios e panfletos de festas sobre os riscos de dirigir sob efeito de álcool contribuem para reduzir o consumo de bebidas por motoristas?