Publicidade

10 de Janeiro de 2014 - 05:36

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Minneapolis, Narayana Kocherlakota, afirmou por meio de um breve comunicado nesta quinta-feira que a ação mais agressiva do banco central norte-americano reduziria o desemprego e aumentaria as pressões de preços mais rapidamente.

O Fed "poderia fazer melhor em relação a ambos os seus objetivos determinados pelo Congresso, adotando uma política monetária mais acomodatícia", disse Kocherlakota no discurso de abertura de um fórum público a ser realizado na autoridade monetária de Minneapolis.

Em 2014, Kocherlakota será um membro votante do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Fed. Ele apoia a ação mais agressiva do banco central dos EUA para ajudar a economia do país. Além disso, Kocherlakota afirmou que a o declínio na taxa de desemprego aconteceu "lentamente."

O presidente do Fed de Minneapolis também observou em seu discurso que as comunicações abertas são muito importantes para a condução da política monetária.

"Para que o Fed continue a ser eficaz, é preciso comunicar suas decisões de política monetária de forma transparente para o público", afirmou Kocherlakota. Fonte: Dow Jones Newswires.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você confia nas pesquisas eleitorais?