Publicidade

16 de Dezembro de 2013 - 15:34

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Adversária brasileira na abertura da Copa, a seleção da Croácia terá um importante desfalque na disputa do Mundial no ano que vem. O veterano zagueiro Josip Simunic, que vinha jogando como titular, foi punido pela Fifa nesta segunda-feira por causa de uma comemoração fascista com a torcida croata e pegou 10 jogos de suspensão, o que impede sua participação na competição no Brasil.

Após a classificação da seleção croata para a Copa do Mundo, com a vitória sobre a Islândia no dia 19 de novembro em Zagreb, pela repescagem das Eliminatórias Europeias, Simunic foi comemorar com a torcida e fez saudação utilizada pelos fascistas na época da Segunda Guerra Mundial. Assim, o zagueiro de 35 anos, que joga atualmente no Dínamo Zagreb, acabou sendo punido pela Fifa.

Segundo a Fifa, a saudação feita por Simunic fere o Código Disciplinar da entidade, por ser discriminatória e ofensiva. E, em razão da "gravidade do incidente", o zagueiro recebeu suspensão de 10 jogos. A pena começa a ser cumprida justamente na Copa e terá que continuar depois, nos próximos compromissos oficiais da seleção, porque o máximo de partidas do Mundial é sete.

Simunic ainda recebeu uma multa de cerca de US$ 33 mil por causa da infração, mas o principal é que não poderá disputar a Copa do Mundo - ironicamente, exagerou tanto na comemoração da classificação e acabou ficando fora do torneio no Brasil. Assim, após aplicar dura punição ao zagueiro croata, a Fifa informou que é rigorosa no "combate contra todas as formas de discriminação no futebol".

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você tem percebido impacto positivo das operações policiais nas ruas da cidade?