Publicidade

02 de Dezembro de 2013 - 15:37

Por Lucas Hirata - Agencia Estado

Compartilhar
 

A agência de classificação de riscos Fitch Ratings manteve os ratings da dívida de longo prazo em moeda local e em moeda estrangeira da Grécia em B-, com perspectiva estável. Os ratings dos bônus não garantidos da Grécia em moeda local e estrangeira foram reafirmados em B-. O teto para os ratings de bônus gregos foram elevados para B+, de B. O rating da dívida de curto prazo em moeda estrangeira foi mantido em B.

Segundo a Fitch, a Grécia está no caminho para eliminar as irregularidades macroeconômicas de longo prazo e não se tem observado a repetição dos atrasos prolongados nos desembolsos da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional, que marcaram os anos anteriores. A Fitch espera que as negociações com a troica, grupo que inclui União Europeia, o FMI e o Banco Central Europeu, cheguem a um conclusão satisfatória até o final do ano.

A agência acredita que superávits fiscais primários podem ser registrados em breve. A Fitch reconhece que, embora o país estará financiado até fevereiro de 2014, haverá escassez de financiamento de 11 bilhões de euros em 2014 e 2015, contudo a agência acredita que várias opções deverão estar a disposição. A Fitch disse que a sustentação da recuperação econômica da Grécia dependerá do sucesso de reformas estruturais.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?