Publicidade

04 de Dezembro de 2013 - 11:54

Por Adriana Fernandes - Agencia Estado

Compartilhar
 

O governo recuou da decisão de se empenhar para a votação do projeto de lei que altera o indexador da dívida dos Estados e municípios com a União. Em entrevista nesta quarta-feira, 4, após participar de audiência fechada na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara, o secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, disse que a "expectativa do mercado não recomendava a votação do projeto de lei complementar que trata do assunto". Segundo ele, o governo entendeu que não é o melhor momento para votação do projeto. Ele admitiu que a proposta vinha sofrendo críticas e que é melhor esperar para sua apreciação.

Augustin assegurou, no entanto, que a decisão não tem relação com a preocupação e o temor do governo com a possibilidade de rebaixamento da nota do Brasil pelas agências de classificação de risco. Ele também destacou que a postergação da apreciação da matéria não tem relação com algum tipo de dificuldade fiscal.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?