Publicidade

13 de Dezembro de 2013 - 18:49

Por Artur Rodrigues - Agencia Estado

Compartilhar
 

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), afirmou nesta sexta-feira, 13, que o Bilhete Único Semanal deve começar a funcionar no primeiro semestre de 2014. "Nós vamos aguardar para ver se as empresas que usam o vale-transporte compram o Bilhete Único Mensal para seus funcionários e, na sequência, entre dois e três meses, vamos levar o semanal", disse, em evento de entrega do primeiro trecho da canalização do Córrego Ponte Baixa, na zona sul.

O valor exato ainda não foi definido, mas deve ser proporcional ao da tarifa mensal, de 140 reais para ônibus. "Tem de ver se é um quarto ou um pouco menos de um quarto porque são sete dias", disse. De acordo com Haddad, está em estudo também a adoção de uma tarifa diária que dê direito a um número ilimitado de viagens.

O evento relacionado a obras de drenagem teve a presença do ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, e de vários vereadores, entre eles o ex-secretário municipal de Governo Antônio Donato (PT), que se afastou da Prefeitura de São Paulo após denúncias de que teria recebido dinheiro de propina dos fiscais para a campanha.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?