Publicidade

11 de Março de 2014 - 05:18

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

LeBron James brilhou na primeira partida do Miami Heat após a pausa da NBA para a realização do All-Star Game. Pela rodada de terça-feira da liga norte-americana de basquete, o Miami Heat derrotou o Dallas Mavericks por 117 a 106, fora de casa, com ótima atuação do astro, cestinha da partida com 42 pontos.

Esta foi a maior produção ofensiva de LeBron neste campeonato, pois ele ainda não havia anotado 40 pontos ou mais na atual temporada - o seu recorde era 39, exatamente em outro encontro com o Mavericks. O ala anotou 12 pontos apenas no último quarto e terminou a partida com nove rebotes e seis assistências.

Assim, o Heat conquistou a sexta vitória nas últimas sete partidas e ocupa a vice-liderança da Conferência Leste, com 38 triunfos em 52 jogos, atrás apenas do Indiana Pacers, que bateu o Atlanta Hawks por 108 a 98, em casa. Agora, nesta quinta-feira, o time de Miami fará um aguardado duelo com o Oklahoma City Thunder, de Kevin Durant, fora de casa.

O alemão Dirk Nowitzki foi o destaque do Mavericks, com 22 pontos, nove rebotes e sete assistências, mas não conseguiu evitar a derrota da equipe, que havia batido o Pacers antes da pausa para o All-Star Game. O time de Dallas está em oitavo lugar na Conferência Oeste, com 32 vitórias e 23 derrotas.

Também pela rodada da terça-feira da NBA, o Washington Wizards perdeu, em casa, para o Toronto Raptors por 103 a 93, apesar da boa atuação do brasileiro Nenê Hilário, que anotou 17 pontos ao converter oito de 17 arremessos de quadra e um de cinco lances livres nos 33 minutos em que permaneceu em quadra. O brasileiro também obteve cinco rebotes e deu duas assistências.

John Wall liderou o Wizards com 22 pontos, enquanto o polonês Marcin Gortat somou 18 pontos e 11 rebotes. Mesmo assim, a equipe de Washington sofreu a terceira derrota consecutiva e ocupa o sexto lugar na Conferência Leste, com 25 vitórias em 53 partidas.

Kyle Lowry fez 24 pontos e deu dez assistências pelo Raptors, que teve seis jogadores anotando ao menos dez pontos. Líder da Divisão Atlântico, o time canadense venceu a terceira partida seguida e está na terceira posição no Leste, com 29 triunfos e 24 derrotas.

Em partida definida apenas na prorrogação, o Phoenix Suns bateu o Denver Nuggets por 112 a 107, fora de casa, com ótima atuação de Gerald Green, que anotou 36 pontos - a maior pontuação da sua carreira. Goran Dragic somou 21 pontos e 14 assistências, enquanto o brasileiro Leandrinho Barbosa marcou dois pontos, obteve dois rebotes e deu uma assistência nos 17 minutos em que atuou pelo Suns.

Assim, o time de Phoenix venceu o Nuggets pela quarta vez na temporada e "varreu" pela primeira vez o adversário em nove anos. O Suns está em sexto lugar na Conferência Oeste, com 31 triunfos em 52 jogos, enquanto o Nuggets é o 11º, com 24 vitórias e 28 derrotas.

Evan Fournier anotou 25 pontos e Kenneth Faried marcou 21 e obteve dez rebotes para o time de Denver, sem o lesionado Ty Lawson pelo terceiro jogo seguido. O Nuggets sofreu a quinta derrota consecutiva.

Em duelo entre duas das melhores equipes da Conferência Oeste da NBA, o San Antonio Spurs derrotou, fora de casa, o Los Angeles Clippers por 113 a 103. Patty Mills marcou 25 pontos, Marco Belinelli anotou 20 e Tim Duncan contribuiu com 19 pontos e 13 rebotes para o triunfo do seu time, que não contou com o francês Tony Parker e o brasileiro Tiago Splitter. Assim, o Spurs soma 39 vitórias e 15 derrotas, na vice-liderança do Oeste.

Blake Griffin liderou o Clippers com 35 pontos e 12 rebotes e Jamal Crawford marcou 25 para o time de Los Angeles, o quarto colocado do Oeste, com 37 triunfos em 56 partidas.

Confira os resultados da rodada de terça-feira da NBA:

Confira os resultados da rodada de quarta-feira da NBA:

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o subsídio do Governo vai alavancar a aviação regional?