Publicidade

26 de Dezembro de 2013 - 06:31

Por Marcelo Ribeiro Silva, com informações da Dow Jones Newswires - Agencia Estado

Compartilhar
 

Enquanto o iene continua batendo a sua mínima em 5 anos frente ao dólar ao euro, o ministro das Finanças do Japão, Taro Aso, disse que o iene mais fraco não é totalmente favorável à economia do país, apontando para uma tendência crescente do déficit comercial do Japão.

"Não é possível argumentar que um iene mais fraco é totalmente positivo para a economia japonesa", disse Aso durante uma coletiva de imprensa. "O iene mais fraco torna as importações de combustíveis fósseis mais caras, ampliando o déficit comercial do país", completou.

Além disso, Aso disse que não é significativo para o movimento das taxas de câmbio separadamente dos outros mercados, como ações. "As taxas de juros de longo prazo subiram para 0,7%, enquanto o sentimento do mercado de ações foi aparentemente influenciado pelo iene mais fraco, com a Bolsa de Tóquio subindo acima de 16.000 pontos", explicou Aso.

O ministro das Finanças japonês ainda disse que a recuperação econômica e a luta contra a deflação continuam sendo as prioridades do governo japonês.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?