Publicidade

13 de Dezembro de 2013 - 11:58

Por - Agencia Estado

Compartilhar
 

A Polícia Civil indiciou o proprietário e um dos responsáveis pela construção do edifício comercial que desabou em São Mateus, na zona leste da capital paulista, sob suspeita de desabamento doloso (quando há intenção). No acidente, em agosto, dez operários morreram.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP), o proprietário Mostafá Abdallah Mustafá foi indiciado na quarta-feira, 11, e Alberto Alves Pereira na quinta-feira, 12.

O prédio em São Mateus ruiu quando trabalhadores se preparavam para o café na manhã do dia 27 de agosto. Havia pelo menos 35 pessoas no local.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor da proibição de rodeios em JF, conforme prevê projeto em tramitação na Câmara?