Publicidade

17 de Janeiro de 2014 - 13:07

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Banco da Itália cortou sua previsão de inflação e alertou para os riscos ao crescimento econômico do país nos próximos dois anos. A nova projeção do BC italiano é de que o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) suba 1,1% este ano e 1,4% em 2015. Segundo a instituição, o risco de deflação generalizada continua "modesto".

O CPI italiano subiu a uma taxa anualizada de 0,7% em dezembro, apesar do aumento do imposto sobre vendas, e a inflação para todo o ano de 2013 ficou em 1,2%.

O BC italiano não mudou sua previsão de crescimento econômico, reiterando que o Produto Interno Bruto (PIB) do país deve crescer 0,7% este ano e 1,0% em 2015. Tanto o Fundo Monetário Internacional (FMI) e a Comissão Europeia esperam expansão de 1,5% do PIB italiano em 2015.

Segundo a instituição, as exportações devem motivar o crescimento, com expansão de 3,0% este ano e 4,4% em 2015 após uma estagnação em 2013.

O Banco da Itália afirmou que os riscos estão relacionados à possibilidade de as condições de crédito não se aliviarem conforme o previsto e de as empresas preferirem aumentar a liquidez em vez de investir. Fonte: Dow Jones Newswires.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?