Publicidade

22 de Janeiro de 2014 - 19:06

Por Sanches Filho - Agencia Estado

Compartilhar
 

No que depender dos jovens formados nas categorias de base, o Santos não precisa ir ao mercado para repor a saída do experiente Durval, que não renovou contrato ao fim do ano passado, e para suprir a perda de Edu Dracena, machucado. Autor do gol de empate contra o Audax, terça-feira à noite, no Pacaembu, Jubal garante que ele e Gustavo Henrique podem dar conta do recado.

"A gente está trabalhando, estamos procurando mostrar para o Oswaldo (de Oliveira) que podemos permanecer e mostrar em campo que ele pode confiar na gente, nos dar sequência. Que os zagueiros do elenco podem dar conta do recado para o restante do ano", disse Jubal, nesta quarta-feira, em entrevista coletiva.

Aos 20 anos, ele marcou seu primeiro gol como profissional ao testar firme o escanteio batido por Thiago Ribeiro, há no fim do jogo contra o Audax. "É o momento que eu esperava desde quando eu subi: fazer o primeiro gol como profissional. Estamos começando agora, só temos a crescer, esperamos evoluir para conseguir buscar as vitórias", comentou o zagueiro.

Na coletiva, Jubal também falou da partida contra o Audax e do domínio apresentado pelo time de Osasco, que criou chances para golear. "O sistema de jogo do Audax era diferente, não estávamos acostumados. Tentamos abafar lá em cima, mas por ser começo de temporada não foi o que queríamos. Estávamos com poucos dias de preparação e isso pesou um pouco", justificou.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você é a favor de fechamento de pista em trecho da Avenida Rio Branco para ciclovia nos fins de semana?