Publicidade

04 de Janeiro de 2014 - 14:48

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Maior campeão da história da Superliga Masculina de Vôlei, com seis títulos, Bruno está de malas prontas para jogar na Itália. O levantador rompeu o contrato que tinha com o time do Rio - o antigo RJX - reclamando atraso de quatro meses no pagamento de salários, reflexo da saída do empresário Eike Batista do posto de patrocinador da equipe.

Reforço do Modena, Bruno diz que pretende voltar ao Brasil, mas indica que tem grandes chances de ficar por longo tempo na Itália. "Certeza a gente nunca tem de nada. Minha vontade é de voltar. Mas sei do interesse deles (Modena) de manter o projeto, de formar um time ainda mais forte", comentou o levantador, em entrevista à Rede Globo.

"Difícil você, no meio de uma competição, de uma temporada, você deixar o time", lamentou o jogador, que já havia divulgado duro comunicado na sexta-feira, quando relatou o problema no time do Rio e anunciou que estava deixando o País.

"Existe um contrato assinado. E quando você assina você espera receber aquilo e o clube cumprir com seus compromissos. E isso não foi feito", reclamou Bruno, que já havia atuado no Modena em 2011.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a retirada das pinturas de Lucio Rodrigues dos pontos de ônibus?