Publicidade

05 de Janeiro de 2014 - 16:43

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O Manchester United segue enfrentando dificuldades na sua primeira temporada após a saída de Alex Ferguson. Neste domingo, o time foi eliminado na terceira fase da Copa da Inglaterra após perder por 2 a 1 para o Swansea City, mesmo atuando em casa, no Old Trafford.

Na partida deste domingo, o Manchester United sofreu com a ausência de alguns dos seus titulares, em virtude de lesões, como Wayne Rooney, o holandês Van Persie, o belga Fellaini e o brasileiro Rafael. Além disso, ainda sofreu com a expulsão do também brasileiro Fábio, aos 34 minutos do segundo tempo, quando o jogo ainda estava empatado em 1 a 1.

Neste domingo, o Swansea surpreendeu o Manchester United logo no começo da partida ao abrir o placar aos 12 minutos do primeiro tempo, com o golaço marcado por Routledge, que viu o goleiro Lindegaard adiantado e o encobriu com um belo toque. A resposta do time da casa, porém, foi quase imediata, pois o mexicano Chicharito Hernández empatou o duelo aos 15 minutos, completando cruzamento de Buttner.

No final do segundo tempo, porém, após a expulsão de Fábio, que iniciou o jogo entre os reservas, o Swansea conseguiu a sua classificação para a próxima fase da Copa da Inglaterra. Aos 44 minutos, Rotledege cruzou da esquerda para Bony, de cabeça, marcar o gol da vitória do time galês. Na próxima fase, o Swansea enfrentará Birmingham, Bristol Rovers ou Crawley.

Eliminado da Copa da Inglaterra, o Manchester United agora volta suas atenções para as semifinais da Copa da Liga Inglesa, pois na próxima terça-feira vai enfrentar o Sunderland, fora de casa, no jogo de ida. O time também está envolvido na Liga dos Campeões da Europa, e vai enfrentar o grego Olympiacos nas oitavas de final, e ocupa uma modesta sétima colocação no Campeonato Inglês.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o resultado do PIB nos dois últimos trimestres vai interferir no resultado das eleições?