Publicidade

18 de Dezembro de 2013 - 21:46

Por Márcio Rodrigues - Agencia Estado

Compartilhar
 

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou, em entrevista ao Jornal Nacional, da TV Globo, que a decisão tomada nesta quarta-feira, 18, pelo Federal Reserve, de reduzir as compras mensais de ativos em US$ 10 bilhões a partir de janeiro, para US$ 75 bilhões por mês, "foi boa, pois significa menos turbulência no câmbio".

"O Fed anunciou uma redução de US$ 10 bilhões em janeiro, mas não se comprometeu a repetir esse (ritmo de corte) nos meses seguintes", pontuou o ministro. Diante disso, Mantega também afirmou que o "dólar pode se valorizar menos do que alguns esperavam".

Vale destacar que o Banco Central já anunciou a extensão do programa de intervenção cambial para até 30 de junho de 2014, com alguns ajustes. O BC fará leilões de swap de segunda a sexta-feira, quando serão ofertados US$ 200 milhões por dia - atualmente, são US$ 500 milhões de segunda a quinta-feira. Já os leilões de venda de dólares com compromisso de recompra (linha) serão realizados em função das condições de liquidez do mercado de câmbio. Hoje, são feitos todas as sextas-feiras. A nova dinâmica de leilões começa em 2 de janeiro de 2014. A extensão do programa de swaps do BC resultará em mais US$ 24 bilhões no mercado até junho, segundo a assessoria de imprensa da instituição.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você acha que o Rio vai conseguir controlar a violência até a Copa do Mundo?