Publicidade

10 de Março de 2014 - 23:01

Por Caio do Valle, Bruno Ribeiro, Fabiana Cambricoli e Fabio Leite - Agencia Estado

Compartilhar
 

A abertura da Estação Adolfo Pinheiro, da Linha 5-Lilás do Metrô, na zona sul, marcada para hoje, foi adiada ontem pelo governo do Estado. Segundo nota enviada pela companhia, o Corpo de Bombeiros solicitou mais segurança ao local. Questionado sobre os detalhes das exigências, o Metrô não se manifestou. A nova data de abertura da parada ainda não foi divulgada.

O jornal

Além disso, em uma das entradas, faltavam muitos dos painéis de vidro que vão compor a cobertura. Do lado de dentro, operários montavam escadas rolantes e forros, além de checar a fiação. Restavam ser instalados os mapas de localização na plataforma onde as barreiras de vidro estão colocadas.

Duas placas de vidro que funcionam como guarda-corpos, no mezanino, onde ficam as bilheterias e as catracas, estavam trincadas. O Metrô foi questionado, mas não informou quanto custa cada uma dessas peças, que precisarão ser substituídas.

A assessoria da companhia informou que os atrasos observados pela reportagem não tiveram ligação com o adiamento da abertura. É a primeira vez que problemas relacionados à segurança fazem com que a abertura de uma estação seja adiada. (As informações são do jornal

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você está evitando contrair dívidas maiores em função da situação econômica do país?