Publicidade

11 de Março de 2014 - 00:10

Por Rene Moreira, especial para AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

As seguidas interrupções no fornecimento de água levaram os moradores de Orlândia (SP) a fazerem um "panelaço" na frente da prefeitura nesta terça-feira, 04. Com baldes nas mãos e apitos, cerca de 40 pessoas fizeram muito barulho enquanto reclamavam das torneiras secas e da água barrenta que estaria sendo distribuída pelos caminhões pipa.

O problema afeta principalmente os bairros Brazão e Santa Rita e já é antigo, ocorre há anos, e se acentuou desde o mês passado. Para conseguir garantir a higiene e outras atividades básicas, a população se vê obrigada a buscar alternativas e a protestar, como fez o morador Antônio da Silva. Com um cartaz ele foi à sessão da Câmara desta semana cobrar alguma providência por parte dos vereadores.

Ele diz que deve R$ 150 de conta de água, mesmo com o líquido faltando em sua casa. E que o caminhão pipa não dá conta de encher as caixas do bairro Brasão. Alguns vereadores alegaram que a solução para o problema na cidade seria furar mais poços. Já a vereadora Michele Rufo sugeriu que sejam oferecidos descontos nas contas de quem sofre com a falta de água.

A prefeitura local criou nesta quarta-feira, 05, um serviço de "Disque Água" para atender as reclamações. Mas argumenta que em alguns bairros a distribuição de água é insuficiente e o problema se acentua com o aumento do consumo nesta época de calor. E que está prevista uma redistribuição das redes nos próximos meses para, em seguida, ser providenciada a perfuração de dois novos poços. Mas isso tem prazo para ocorrer até o final deste ano.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você aprovou a seleção convocada por Dunga?