Publicidade

06 de Dezembro de 2013 - 08:49

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

Lançado no sábado, 30, pela Prefeitura de São Paulo, o Bilhete Único Mensal ainda não pode ser carregado em pontos de autoatendimento eletrônico e lotéricas, levando mais gente para as filas dos guichês das estações do metrô e dos postos da São Paulo Transporte (SPTrans).

A SPTrans, que gerencia o sistema de coletivos da capital paulista, não sabe quando os créditos poderão ser comprados nas máquinas. A SPTrans afirmou que, "neste primeiro momento, está priorizando a recarga desses novos bilhetes nas vendas assistidas, que também contemplam os pontos de estabelecimentos comerciais".

Até a tarde de ontem, quinta-feira, 5, 165 mil passageiros já haviam se cadastrado, dos quais 32 mil retiraram os cartões nos postos escolhidos na hora da inscrição no programa. As informações são do jornal

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com a multa para o consumidor que desperdiçar água, conforme anunciou o Governo de São Paulo?