Publicidade

15 de Janeiro de 2014 - 09:27

Por Bernardo Caram - Agencia Estado

Compartilhar
 

Um pedido de ação criminal contra Roseana Sarney (PMDB), governadora do Maranhão, e Ricardo Jorge Mudad, que é secretário estadual de Saúde e cunhado de Roseana, foi protocolada na tarde desta terça-feira, 14, na Procuradoria Geral da República (PGR). No documento, os dois gestores públicos e outros três empresários são acusados de fraudar licitações de construção de hospitais e desviar recursos para campanha eleitoral.

De acordo com a denúncia, que ainda precisa ser acatada pelo Procuradoria para que se inicie uma investigação, Murad abriu um procedimento de concorrência em 2009 para a construção de 64 hospitais em diversos municípios do Maranhão, com investimento estimado em quase R$ 116 milhões. Um levantamento do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA), entretanto, constatou que as obras iniciais destes hospitais já constavam em um edital anterior e os trabalhos já eram gerenciados por uma empresa que posteriormente seria a vencedora da licitação.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você pretende substituir o ovo de Páscoa por outros produtos em função do preço?