Publicidade

06 de Dezembro de 2013 - 16:34

Por AE - Agencia Estado

Compartilhar
 

O coordenador técnico da seleção brasileira, Carlos Alberto Parreira, exaltou nesta sexta-feira a importância de o Brasil estrear bem diante da Croácia, no dia 12 de junho, no Itaquerão, em São Paulo, em seu jogo de estreia na Copa do Mundo de 2014. O croatas foram definidos como os primeiros adversários dos brasileiros no sorteio realizado nesta tarde, na Costa do Sauipe (BA), onde a equipe dirigida por Felipão também soube que terá pela frente México e Camarões na fase inicial da competição.

"O primeiro jogo sempre traz uma expectativa muito grande para todo mundo, jogadores, comissão técnica, torcedores, imprensa. Ganhando o primeiro jogo, você dá um passo muito forte para a classificação. Então, o primeiro jogo é fundamental", ressaltou Parreira, em entrevista ao SporTV.

O técnico que se sagrou tetracampeão mundial no comando do Brasil na Copa de 1994 também qualificou estes primeiros jogos do Mundial de 2014 como "muito difíceis, muito competitivos". Neste contexto, ele também minimizou a importância do fato de que a seleção terá de percorrer um pouco mais de 4 mil quilômetros na primeira fase da competição, entre a estreia em São Paulo, o segundo jogo em Fortaleza, diante dos mexicanos, em 18 de junho, e o terceiro em Brasília, contra os camaroneses, cinco dias depois.

"A logística está pronta. Até o jogo das oitavas de final, a gente sempre volta para a Granja Comary, que é a nossa casa", disse Parreira, para depois enfatizar: "O espaço de um jogo para outro, de cinco dias, fazendo um bom trabalho, dá para recuperar o time".

Parreira ainda voltou a exibir o discurso de outras ocasiões ao dizer que a tradição costuma pesar em Copas do Mundo, fato que, na teoria, acaba sendo favorável à seleção brasileira nesta primeira fase. "Todos os grupos estão muito equilibrados. A hora que a bola rola, tem muita surpresa. Tem que entrar respeitando cada adversário. Mas a categoria e a hierarquia no futebol vão prevalecer no final", aposta.

O coordenador da seleção ainda revelou que acordou cedo nesta sexta-feira por causa da ansiedade provocada pelo sorteio dos grupos do Mundial e frisou também que já vive o clima de Copa do Mundo. "A Copa começa efetivamente no momento em que você conhece os adversários. Para nós, a Copa começou nesse momento", finalizou.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você concorda com o TJ, que definiu que táxi não pode ser repassado como herança?