Publicidade

11 de Dezembro de 2013 - 18:05

Por Ricardo Brandt - Agencia Estado

Compartilhar
 

A Polícia Militar prendeu na madrugada desta quarta-feira, 11, onze acusados de tráfico internacional de drogas, entre eles seis mulheres, em Campinas e Hortolândia, no Estado de São Paulo. Apontado pela PM como chefe do grupo, Antonio Rafael Faria morava em uma casa de alto padrão, no bairro Taquaral, em Campinas, onde é proprietário de casas noturnas e lanchonetes.

Com os acusados foram encontrados 30 quilos de pasta base de cocaína, carros e motos importados, celulares, R$ 120 mil em dinheiro e uma espingarda. Dois dos oito veículos apreendidos tinham compartimentos escondidos para transportar droga.

Foi localizado também o imóvel onde a quadrilha misturava a cocaína, no bairro Jardim Satélite Íris, em Campinas. A droga apreendida seria levada para Minas Gerais. Os presos e o material foram entregues à Polícia Federal, pois os acusados confessaram tráfico internacional.

Acusado de chefiar o esquema, Faria usaria as casas noturnas e lanchonetes para lavar o dinheiro do tráfico. Ele foi apontado também como dono de diversos pontos de venda de drogas em Campinas e Jundiaí.

O advogado do acusado não foi encontrado.

Publicidade

Publicidade

Mais comentários

Ainda não é assinante?

Compartilhe

Publicidade

Encontre um tema na

Pesquisa

Edição impressa

Enquete

Você participa das celebrações da Semana Santa?